04/12/2013

Treinamentos em Boas Práticas de Fabricação

Para serem realmente efetivas, as Boas Práticas de Fabricação, seus conceitos devem ser conhecidos por  todos os funcionários. Um sistema de treinamento simples, porém constante promove bons resultados:

1. Integração: o melhor momento para um funcionário novo conhecer as Boas Práticas de Fabricação é a sua entrada na empresa por meio de treinamento de integração. Uma apresentação de slides, uma cartilha e a apresentação da pasta do BPF do setor são suficientes para o primeiro contato.

2. Reunião semanal: com duração de 10 minutos, um bate-papo para expor conhecimento e também para ouvir sugestões auxilia no atendimento à legislação, enquanto proporciona a oportunidade para a evolução de ideias para melhoria.

3. Registros de treinamento junto das ITs: no manual do setor, cada uma das instruções pode ser acompanhada de uma lista de treinamento. Assim, cada novo funcionário pode assinar comprovando seu conhecimento no procedimento. Esta é uma maneira prática de confirmar o treinamento de todos os funcionários.

4. Quadros de aviso: aprendemos mais o que vemos, do que o que lemos. Cartazes coloridos com as práticas que devem ou não devem ser adotadas, fotos de "antes/depois", e até mesmo cartilhas ilustradas da ANVISA funcionam muito bem na divulgação da Boas Práticas.

5. SIPAT ou Semana da Qualidade: dependendo do número de funcionários e grau de risco de acidentes, empresas devem realizar a Semana Interna de Prevenção de Acidentes, uma ótima oportunidade para também abordar assuntos de qualidade, mas e para as pequenas empresas? Como realizar eventos sem grandes gastos e sem parar a produção? Estabelecer uma semana para que o tema seja reforçado é muito positivo e com tanta tecnologia disponível, podemos abusar de cartazes, brindes, realização de jogos educativos no horário do almoço. Aprender por meio de uma competição divertida produz excelentes resultados, além de favorecer o clima organizacional.

São muitas as maneiras de realizar treinamentos e a prática nos mostra que o tempo que gastamos para realizá-los retorna em produtividade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário